Portugal está a arder. E isso não é novidade para ninguém, visto que ultimamente tem sido o foco das notícias… e não é para menos! ...


Portugal está a arder. E isso não é novidade para ninguém, visto que ultimamente tem sido o foco das notícias… e não é para menos!

Custa-me ouvir o quartel a chamar todos os bombeiros voluntários da zona, e custa ainda mais ouvir – duas horas depois – a pedir reforços de outros locais… porque esgotou tudo o que tinha. Custa-me ver a minha cidade a ser notícia por causa dos incêndios que tem havido por lá. Mas, mais do que tudo isso, custa-me perceber o porquê de haver mão criminosa em muitos dos incêndios que tem havido em Portugal.

O Funchal. Funchal é a notícia do momento! Todos aqueles edifícios evacuados, toda aquela destruição, todas aquelas pessoas desalojadas… E tudo isso por causa de um imbecil qualquer que achou muito engraçado pegar fogo. Por muito que tente, não consigo perceber o porquê de ter feito isso… assim como não percebo o porquê de quem quer que seja fazer isso! Para mim, e para muitas outras pessoas, não faz qualquer sentido. E nunca vai fazer.

Como não podia deixar de ser, agradeço a todos aqueles que têm ajudado Portugal até à exaustão. Com o esforço, com palavras, com ofertas de água e comida ou até com pedidos de ajuda ao estrangeiro. Todos merecem mais do que um simples “obrigada”. Todos são heróis.

E eu… eu vou continuar a ajudar no que puder. Como só assim faz sentido.